terça-feira, 13 de novembro de 2012

PROJETO ALIMENTAÇÃO BERÇÁRIO II B


PROJETO: ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

TURMA: BERÇÁRIO II B

PROFESSORAS: MARILENE, ISOLDE, VALMIRA E JANAINE

 
PROBLEMA: PORQUE DEVEMOS TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL?

JUSTIFICATIVA: A instituição é um espaço privilegiado para a promoção da saúde e desempenha papel fundamental na formação de valores, hábitos e estilos de vida, entre eles o da alimentação. Atualmente sentimos a necessidade de estimular a alimentação de uma maneira mais lúdica e atraente, buscando mais informações a respeito do assunto. Portanto, compreendendo com mais clareza que a alimentação saudável de uma criança pode garantir um bom desenvolvimento físico e cognitivo. O projeto alimentação saudável tem como objetivo principal ensinar as nossas crianças hábitos para o seu cotidiano que serão importantes durantes suas vidas, mostrando as diferenças entre alimentos nocivos a saúde e alimentos nutritivos para uma melhor qualidade de vida. De acordo com Marin (2009) “a idade escolar é considerada uma fase de extrema importância, tanto no que diz respeito do processo de maturação biológica, como no desenvolvimento sócio-psicomotor. Além disso, nesta idade a criança começa a criar sua independência e a formar seus hábitos alimentares”.

 OBJETIVO GERAL: Promover o consumo de alimentos saudáveis para que as crianças possam degustar diversos tipos de frutas, verduras e legumes através de atividades lúdicas, atraentes e educativas.
 

 OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

·        Criar bons hábitos de alimentação experimentando novos sabores;
·        Conhecer os alimentos que são importantes para a manutenção da saúde;
·        Oportunizar novas experiências alimentares;
·        Estimular a criatividade, a imaginação e a coordenação motora através dos sentidos;
·        Valorizar o momento reservado a alimentação;
·        Pesquisar e registrar sobre sua alimentação em casa;
·        Desenvolver noções de quantidades, formas, tamanhos, cores, texturas e sabores das frutas, verduras e legumes;
·        Incentivar as crianças a terem bons hábitos alimentares;
·        Identificar diferentes tipos de alimentos e os cuidados que devemos ter com a nossa saúde;
·        Identificar a preferência alimentar das crianças;
·        Desenvolver atitudes relacionadas á alimentação, a fim de aprender a comer sozinho e criar bons hábitos alimentares;
·        Observar imagens diversas de frutas, verduras e legumes, a fim de identificá-las e interpretá-las. 

CONTEÚDOS:
·        Saúde e bem estar (higiene e alimentação) eu e o outro, exploração do espaço, comunicação e expressão: oral e corporal, família (identidade e autonomia);
·        Corpo humano, expressividade e sensações (corpo e movimento);
·        Linguagem oral e corporal, comunicação, gêneros textuais (linguagem);
·        Família, escola e higiene (natureza e sociedade);
·        Fazer artístico, observação e conversação sobre imagens, elementos constituintes da linguagem visual: forma, cores e texturas (artes visuais);
·        Canto, ritmos e gêneros musicais, linguagem musical, expressão oral e corporal, interpretação e dramatização musical, linguagem musical (música);
·        Contagem oral, classificação, comparação, grandezas e medidas, temperatura (matemática); 

METODOLOGIA:
·        Oportunidade para a criança envolver-se na preparação de alimentos (saladas de frutas);
·        Degustação de sucos variados;
·        Contação de histórias: O SANDUÍCHE DA MARICOTA DE AVELINO GUEDES;
·        Apresentação de gravuras grandes e coloridas de alimentos;
·        Identificação de frutas e legumes através do tato e olfato;
·        Conhecer a horta e entrar em contato com o ambiente: colher verduras para fazer pratos deliciosos e em seguida realizar a degustação;
·        Utilizar as máscaras e o jogo de dominó sobre alimentação, fotografando as crianças para expor na amostra que acontecerá na instituição;
·        DVD baby Einstein, Xuxa 2 e 7 que fala sobre frutas, sopa( Palavra Cantada_Paulo Tatit e Sandra Peres);
·        Pedir para cada família trazer frutas para que possam preparar uma deliciosa salada de frutas, para que as crianças possam experimentar e observar tamanhos, formas e cores diferentes;
·        Conversar com os pais sobre alimentação preferida dos filhos para montar pirâmide alimentar;
·        Organização de um livro de receitas;
·        Incentivar a se alimentar sozinho;
·        Exploração de diversos tipos de alimentos (abacaxi, kiwi, melão, entre outros);
·        Participação das crianças ouvindo e cantando músicas referentes ao tema: meu lanchinho, tomatinho vermelho; comer, comer; pêra, uva, maçã e salada mista;
·        Estimular as crianças a sentirem o aroma e sabores diferenciados: doce, amargo, salgado, quente e frio;
·        Compartilhar os pratos preparados por todos da instituição e em seguida degustar;
·        Explorar as possibilidades de gestos e ritmos musicais;
·        Confeccionar um cacho de uva e decorar a porta da sala com fotos das crianças se alimentando com diversos tipos de alimentos saudáveis;
·        Substituir as mamadeiras por copinhos descartáveis na hora das refeições;
·        Organizar um almoço diferente onde as crianças vão experimentar a novidade da iniciativa de comer sozinhas;
·        Identificação de frutas através do tato, olfato e paladar (caixa surpresa);
·        Oferecer café da manhã nas mesas do pátio interno do CEI;
·        Expor os trabalhos e as fotos que foram realizados durante o projeto no corredor da instituição.  

CRONOGRAMA: 30 dias 

AVALIAÇÃO:
·        Explora as possibilidades de transformação e manipulação dos alimentos (formas, cores e texturas);
·        Aceita diferentes alimentos;
·        Identifica imagens de frutas, verduras e legumes;
·        Fala sobre as imagens que vê;
·        Brinca com formas e cores;
·        Explora sons, texturas e imagens de livros;
·        Movimenta-se ao ouvir diferentes sons;
·        Demonstra compreensão do uso de novas palavras (amplia vocabulário);
·        Realiza contagem oral;
·        Participa de brincadeiras musicais;
·        Explora com prazer diversos alimentos;
·        Presta atenção ao ouvir alguém falando e cantando;
·        Demonstra capacidade de memorização: observa e questiona situações, pessoas e fenômenos;
·        Comunica ideias e sentimentos através de diferentes linguagens.
 

























 

Um comentário: